Escolha uma Página

A pergunta “0 que não pode faltar ao montar currículo” é umas daquelas que todo mundo faz a si mesmo quando a pessoa vai se lançar no mercado de trabalho, junto com: como montar um currículo?, quais experiências colocar no currículo?, devo colocar foto no currículo? entre outros. Pode ficar tranquilo pois iremos falar sobre cada um desses e outros assuntos relevantes, em um outro artigo já enumeramos uma estrutura para organização do currículo que se dividia da seguinte maneira:

  1.  Dados Pessoais
  2. Objetivo Profissional;
  3. Resumo Profissional;
  4. Formação Acadêmica;
  5. Experiência Profissional;
  6. Experiência Acadêmica [Recém-formado];
  7. Idiomas;
  8. Cursos e Formações.

Então, já segue essa dica, dê uma olhada no seu currículo e veja como ele está estruturado, está parecido com o nosso modelo? Está muito diferente? Descreve nos comentários como o seu currículo está dividido.  Lembrando de anotar todas as nossas dicas e não deixar nenhuma falha passar ou deixar algo faltando na hora de montar seu currículo. 

Afinal, existem várias maneiras de estruturar um currículo e a que elencamos é uma das formas mais aceitas no mercado, mas podem haver variações específicas de acordo com o setor da empresa e/ou formatações obrigatórias em determinados processos seletivos, o que fizemos foi levantar o que não pode faltar ao montar currículo, garantindo que, ao menos no ponto de vista de estruturação, o seu currículo esteja de acordo com o esperado pelo mercado de trabalho. 

Dados Pessoais

Essa é a seção tem por objetivo responder duas perguntas:

  1. Quem é você?
  2. Como entramos em contato?

São as informações básicas do candidatos, portanto é muito importante tomar cuidado ao colocar seus dados para não trocar um número ou esquecê-los, verifique várias vezes para se certificar que a informação está correta, outro cuidado que deve ser tomado são os e-mails informais, sabe aquele e-mail de infância? Colocá-lo no currículo pode passar impressão de falta de profissionalismo, então se for necessário crie um novo e-mail profissional. Dessa maneira elencamos as informações que devem ser fornecidas:

  • Nome completo;
  • Idade;
  • Endereço completo com CEP;
  • Telefone para contato;
  • E-mail;
  • LinkedIn.

LinkedIn? O LinkedIn é uma rede social para uso profissional, atualmente é a maior plataforma digital destinada exclusivamente de negócios. Funciona com um currículo/carta de apresentação online, a empresa que você procura está lá, profissionais de negócios e recrutadores também então lá, ou seja, é muito importante você criar seu perfil nessa rede. Temos um artigo em nosso blog que que é dedicado em te ensinar como criar um perfil no LinkedIn. 

Objetivo Profissional

Novamente pensando nas questões a serem respondidas, essa seção do currículo deve responder duas questões: Qual o seu plano para sua carreira? Como esse plano se encaixa nessa vaga e na empresa? Muitos candidatos subestimam essa fase e, assim, acabam deixando faltar essa informação na hora de montar seu currículo, não dando devida atenção ou, pior, acabam criando objetivos genéricos, então para se diferenciar garanta que seu currículo tenha um objetivo profissional e que esteja bem escrito. Ele não deve ter mais que duas linhas e pode se tranquilizar, pois temos um outro blog post falando somente disso.  

Resumo Profissional

Vamos lá, outra seção muito importante que deve estar presente na hora de montar seu currículo. O resumo profissional deve destacar suas principais realizações, o que te diferencia dos demais candidatos, assim sendo é uma introdução do que será visto no seu currículo, ou seja, em 100 à 500 caracteres você deve ser capaz de fazer o recrutador se interessar por você. Como é um assunto muito importante escrevemos um post sobre essa pauta com alguns modelos de resumo profissional e como fazer para se destacar.

Formação Acadêmica

Área muito importante no currículo. Nessa seção as informações primordiais são:

  •  Nome do Curso [Grau de instrução]
  • Instituição de Ensino
  • Data de Início – Data de Conclusão [ou previsão]

Caso houver mais de uma titulação (Pós-Graduação, Mestrado, etc), inserir em ordem cronológica com os mais recentes primeiro.

Experiência Profissional

Talvez a parte mais importante do currículo, pois se trata de suas realizações e resultados. Essa seção tem a função de responder algumas questões, tais como: O que você pode entregar de resultado? Como esses resultados serão relevantes para a empresa? Quais foram as funções exercidas. É muito importante trazer realizações mensuráveis, mas falaremos desse tema com maior detalhamento em outro post. É muito importante destacar datas de entrada e saída, as funções e tarefas realizadas. 

Experiência Acadêmica

Essa seção é totalmente aceitável e recomendada para profissionais em início de carreira ou recém-formados, entretanto é válido colocar somente experiências relevantes para a vaga ou que estejam na mesma área. Projetos acadêmicos, experiências em empresa júnior e centros acadêmicos são bem-vindas. Procure, assim como nas experiências profissionais trazerem realizações mensuráveis como resultados atingidos e melhorias alcançadas. Para você que sempre fica com dúvida do que colocar nessa seção preparamos um blog post que detalhe tudo o que é importante saber.

Idiomas

Com a globalização e empresas multinacionais se instalando cada vez mais no país, se faz muito necessário falar um segundo idioma, dessa forma é muito importante destacar o idioma falado e o nível de fluência, se você fez um curso de idiomas é interessante colocar o nome da instituição e datas de início e final. Tome muito cuidado com os famosos níveis intermediários de espanhol e básico de inglês, pois eles podem ser testados nas entrevistas, assim sendo é aconselhável não tentar dar aquela “aumentada”. inclusive esse é um assunto de um de nossos artigos que você pode conferir nesse link. 

Cursos e Formações

Por fim, essa sessão é indicada para elencar cursos correlatos com a área da vaga que você está concorrendo e formações/ certificações complementares, no entanto é crucial demonstrar apenas cursos e formação relevantes para a vaga desejada e é muito importante inserir a instituição onde se realizou o curso e a carga horária para garantir a relevância da formação, por exemplo, um curso de  negociação de 02 horas não é o suficiente para atestar sua capacidade de negociação, nesse sentido é interessante atrelar esse cursos há outros para que assim seja validado.

Conclusão

Procuramos enumerar o que não pode faltar ao montar seu currículo, leia com atenção todos os pontos e procure garantir que seu currículo esteja preenchendo todas as seções, pois atualmente está ficando mais acirrado conseguir aquela vaga planejada, seguindo nossas dicas você estará um passo mais próximo do que os recrutadores esperam em um currículo simples e eficiente. O objetivo do nosso blog é trazer dicas e insights para você escrever o currículo matador.

Quais temas vocês gostariam que abordássemos? Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentários que iremos responder todas sua questões.

 

Share This
%d blogueiros gostam disto: